Erundina exagera número de hospitais que construiu como prefeita de São Paulo

erundina

Na manhã desta terça-feira (6), a candidata do PSOL à Prefeitura de São Paulo, Luiza Erundina, foi sabatinada pela CBN SP. A equipe de jornalistas da Lupa acompanhou a entrevista, verificando o grau de veracidade das afirmações dela. Veja o resultado do trabalho – que também foi divulgado na CBN – logo abaixo.

Na entrevista, Luiza Erundina lembrou seu trabalho quando foi prefeita de São Paulo, entre 1989 e 1993, e disse:

“Eu construí sete hospitais”

RECORTES-POSTS-EXAGERADO

Segundo registros da Prefeitura, foram seis hospitais. Não sete. De acordo com o relatório da Coordenação da Gerência Hospitalar de São Paulo, a verba para construir essas unidades foi obtida junto ao antigo banco Banespa, pelo ex-prefeito Jânio Quadros, que antecedeu Erundina no cargo. Como o próprio relatório registra, “a partir de 1989, estes hospitais seriam inaugurados na gestão da Prefeita Luiza Erundina e do Secretário de Saúde Carlos Neder”.

São eles: Hospital Municipal Vereador José Storopolli-Vila Maria, Hospital Municipal Prof. Dr. Alípio Correa Netto – Ermelino Matarazzo, Hospital Municipal Dr. Fernando Mauro Pires da Rocha – Campo Limpo, Hospital Municipal Dr. Alexandre Zaio – Nhocuné, Hospital Municipal Dr. Benedicto Montenegro – Jd. Iva e Hospital Municipal e Maternidade Prof. Mario Degni – Jd Sarah.


 

A candidata também foi questionada sobre sua presença no Congresso em meio à campanha eleitoral e afirmou:

“Eu não tenho faltado à Câmara”

RECORTES-POSTS-VERDADEIRO-MAS

A Lupa conferiu  as presenças de Erundina na Câmara dos Deputados desde o dia 16 de agosto, quando começou a campanha. Nesse período, os deputados se reuniram no Plenário quatro vezes. A candidata e deputada pelo PSOL teve uma falta no dia 22 de agosto, mas ela foi justificada. No site da Câmara, consta a informação de que a deputada e candidata pelo PSOL esteve ausente nessa data para realizar uma “missão autorizada”. Vale ressaltar que, em 22 de agosto, houve decisões em Plenário.

Além das sessões com todos os deputados, Erundina precisa participar das comissões parlamentares que integra. Esses grupos fizeram dois encontros desde o início do período eleitoral. O site da Câmara mostra que a deputada teve uma ausência ainda não justificada na reunião que a Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática fez no último dia 23. Segundo a pauta do dia, também acessível online, requerimentos e leis foram aprovados e encaminhados para apreciação do Plenário.

Clique aqui para ler a matéria no site da Lupa.